Guru do Desempenho
clima organizacional

Entenda como o clima organizacional potencializa o capital humano

Uma cultura organizacional e um clima organizacional bem desenvolvidos são peças chave para que uma empresa se fortaleça e permaneça no mercado de forma competitiva.

Esse conceito envolve crenças, comportamentos e valores éticos de uma empresa e sua importância deve-se à sua influência direta na maneira pela qual os colaboradores enxergarão o negócio e agirão dentro dele.

A partir disso, é inegável que as organizações devem atentar-se cada vez mais aos seus funcionários e, mais que isso, nas relações interpessoais estabelecidas entre eles e os stakeholders que cercam a corporação.

De acordo com Kate Harrison em seu artigo para Forbes, “Uma empresa necessita primeiro satisfazer seus funcionários, para então conseguir garantir a satisfação dos seus clientes”.

Com isso, a existência de uma sinergia e sintonia entre os colaboradores é parte essencial de um ambiente empresarial produtivo e harmônico, uma vez que garante um trabalho em equipe de qualidade, o qual gera sem dúvidas vantagens competitivas para a organização.

A avaliação do clima organizacional é responsável por assegurar a qualidade do ambiente de trabalho da empresa, o que melhora as condições de trabalho e mantém a produtividade do negócio.

O que é clima organizacional?

O conceito de clima organizacional, de acordo com Chiavenato, um dos maiores autores brasileiros na área de administração de empresas e recursos humanos, envolve a satisfação dos funcionários tanto em relação a aspectos mais técnicos de sua carreira quanto aspectos emocionais.

Este nível de satisfação influencia diretamente o relacionamento de um funcionário com os colegas de trabalho, superiores, clientes e, consequentemente, o desempenho das equipes de uma organização.

Dessa forma, é de suma importância para um negócio a Pesquisa de Clima Organizacional.

Ela  tem como objetivo identificar problemas que dificilmente são reconhecidos pelos gestores mas que afetam a performance dos colaboradores.

Como funciona uma pesquisa de clima organizacional?

A Pesquisa de Clima Organizacional se dá através de entrevistas, as quais são analisadas e então cria-se planos de ação para os problemas identificados, além de serem apontadas oportunidades de melhoria para a empresa.

A pesquisa é dividida em quatro etapas.

A primeira delas é a fase qualitativa, em que as entrevistas com os funcionários são realizadas, sendo que essas são sigilosas e feitas por pessoas que não estão diretamente ligadas à organização, o que assegura a sinceridade nas respostas dos colaboradores.

Em seguida, têm-se a tabulação desses dados.

Na terceira etapa, é estruturado um questionário quantitativo, em que os dados coletados a partir dele são organizados em gráficos e então analisados.

Por último, os resultados encontrados nas fases qualitativa e quantitativa são examinados e a partir deles são estruturados planos de ação para realizar melhorias e sanar os problemas identificados, e assim tornar o clima da empresa propício para um ótimo desempenho dos colaboradores.

Por que você deve ficar atento ao clima organizacional?

Uma forte cultura organizacional, assim como os planos de ação gerados a partir da Pesquisa de Clima Organizacional, geram artifícios que potencializam o capital humano da empresa.

Essas estratégias estão diretamente voltadas para o público interno da organização e sua percepção a respeito do lugar onde trabalham. Por isso, tratam-se de estratégias de endomarketing.

Elas funcionam a partir de um trabalho conjunto entre a área de marketing e de recursos humanos da empresa.

O RH é responsável por identificar as necessidades dos colaboradores, por exemplo, através de uma Pesquisa de Clima Organizacional, enquanto a equipe de Marketing cria ações voltadas para o público interno, com o objetivo de suprir essas necessidades.

Através de artifícios de endomarketing cria-se um clima organizacional mais agradável e saudável, que acarreta em diversas consequências positivas para a corporação como:

Essas diversas consequências demonstram a grande importância de um clima organizacional que mantém os funcionários satisfeitos e propiciam conquistas de maior penetração no mercado em um contexto de rápido ritmo de mudanças, que exige a adaptação frequente das organizações.

Para entender mais sobre os benefícios da Pesquisa de Clima Organizacional na realidade empresarial, entre em contato conosco por meio de nosso site para marcarmos uma reunião de diagnóstico sobre sua empresa!

Gabriela Gabriott

Gabriela Gabriott

Consultora na Consultoria RH Junior. Estudante de graduação do curso de Administração de Empresas – Fundação Getulio Vargas

Comentar

Gabriela Gabriott

Gabriela Gabriott

Consultora na Consultoria RH Junior. Estudante de graduação do curso de Administração de Empresas – Fundação Getulio Vargas

Siga-nos nas redes sociais

Assine nossa newsletter!