Guru do Desempenho
coaching para líderes

Coaching para líderes: um investimento indispensável para empresas

O Coaching para Líderes tem sido uma ferramenta muito utilizada para o desenvolvimento de profissionais em todos os níveis de carreira. Não importa se o profissional está começando sua carreira ou se já atingiu elevado patamar de sucesso, é sempre importante desenvolver ou aprimorar comportamentos.

O aprendizado contínuo é a arma para manter-se no mercado e continuar atualizado na área onde escolheu atuar.

Investindo nessa ferramenta, as empresas garantem seu posicionamento no mercado, com a criação de soluções e processos inovadores, por meio da orientação de líderes mais capazes.

Coaching para Líderes: um caminho de mão dupla

O Coaching pode ser visualizado por duas vertentes:

  • Escolher participar desta ferramenta como Coachee para buscar seu desenvolvimento e/ou aprimoramento;
  • Atuar como Coach-Líder para patrocinar o desenvolvimento da equipe.

Quando o Coachee assume sua responsabilidade, geralmente ele influencia sua equipe na mudança de comportamento.

Baseado em experiências e na observação dos processos de Coaching que liderei, é notável que o Coachee automaticamente acaba aplicando as ferramentas de seu aprendizado em sua equipe, de forma instintiva e natural.

É impressionante a influência da mudança do comportamento. Outros profissionais ligados às suas responsabilidades, se motivam e promovem mudanças quase que concomitantemente.

O Coachee funciona como modelo para os demais, motivando a equipe para novos desafios.

Como funciona um Programa de Coaching?

Para participar de um Programa de Coaching, é fundamental que o profissional tenha uma meta a ser atingida.

Abaixo estão alguns exemplos de metas:

  • Chegar à posição de Diretor ou Presidente;
  • Falar em público com fluência;
  • Ter uma Carreira Internacional;
  • Delegar tarefas;
  • Colocar em prática novos desafios;
  • Saber negociar;

Durante a análise da meta, é de responsabilidade do Coach observar se a necessidade do Coachee é realmente comportamental.

Vale ressaltar que há casos em que o profissional terá que priorizar o tratamento de aspectos emocionais para conseguir focar as metas. Caso o Coach não seja um terapeuta, ele deverá encaminhar o processo para um especialista de comportamento.

O Programa de Coaching tem etapas pontuais. A primeira é a definição da meta estratégica. Posteriormente, há o diagnóstico para se identificar as submetas e depois estabelece-se uma hierarquia das submetas, plano de ação e execução dos planos.

É de responsabilidade do Coachee colocar em prática os planos acordados para que realmente o processo faça sentido.

Se não tiver empenho, o resultado não será o esperado. Entretanto, quando se tem o empenho, ultrapassando e superando as dificuldades e obstáculos comuns nos processos, o resultado eficaz será inevitável.

Quais são os principais obstáculos de um processo de Coaching?

Durante o processo de Coaching, existem inúmeros obstáculos. Assim, o comprometimento do Coachee será fundamental para que durante as discussões sejam esclarecidas as dúvidas sobre as principais dificuldades e receios.

Cada passo deverá ser detalhadamente discutido e acordado.

Um dos maiores obstáculos para quem participa de um processo de Coaching são as crenças irracionais que cristalizam os pensamentos e impactam a motivação do Coachee em fazer acontecer. No Coaching, as crenças são desconstruídas uma a uma para promover a mudança do comportamento.

Outros obstáculos que impactam são o cenário, pessoas próximas, equipe, pares ou superiores, habilidades a serem desenvolvidas ou aprimoradas, e outras questões as quais deverão ser levantadas meticulosamente para que o programa tenha o sucesso esperado.

Como é realizado o acompanhamento do processo?

Ao longo do programa será imprescindível coletar informações dos profissionais que fazem parte das atividades do dia-a-dia do Coachee para checar as mudanças comportamentais e como estas estão sendo recebidas.

Este procedimento irá ajudar o Coachee a adequar-se à cultura e aparar dificuldades de percepção que poderão influenciar no resultado.

O Coaching para Líderes deve ser uma ferramenta contínua e pontual para promover o desenvolvimento e aprimoramento de competências nas empresas, o qual tem obtido resultados concretos e rápidos, frente às expectativas.

Muitos se perguntam por que as empresas e profissionais demoraram tanto para descobrir e investir em um processo de Coaching.

O ideal é que as empresas tenham em mente que o programa é uma oportunidade de investimento. Ao aprimorar as competências de seus colaboradores e formar melhores líderes, os resultados das equipes serão multiplicados e os negócios consequentemente serão ampliados.

Benefícios do Coaching para Líderes para profissionais e empresas

  • Aumenta o autoconhecimento;
  • Promove mudanças de premissas;
  • Esclarece o papel e nível esperado da função;
  • Envolve a equipe e estimula a quebra de crenças;
  • Aumenta a auto-estima;
  • Identifica aspectos dos quais precisa aprimorar- se continuamente;
  • Amplia a prática de ferramentas de ponta de gestão dando sustentação aos processos;
  • Potencializa a gestão nos aspectos de pessoas, processos e resultados;
  • E outras mais…

O mais interessante do Coaching são os resultados que costuma-se obter acima das expectativas. Isso, é claro, depende do interesse e dedicação de cada Coachee na busca da superação.

Entretanto, já pude presenciar mudanças comportamentais não esperadas nem pelo próprio Coachee.

O processo tem duração de 3 a 6 meses. O prazo é influenciado pelos recursos do profissional, nos aspectos leitura e treinamentos comportamentais que já tenha experimentado.

Incrivelmente, os profissionais que passam por este processo promovem mudanças comportamentais que antes pareciam impossíveis.

Este é o diferencial do programa: ofertar aos profissionais um caminho de desenvolvimento e crescimento rápido com benefícios concretos, consistentes e contínuos.

Conheça um pouco mais sobre minha carreira e serviços que ofereço nas áreas organizacional e clínica, visitando meu site e blogs em que escrevo sobre carreira e psicoterapia clínica.

Márcia Lopes

Márcia Lopes

Diretora da Viverh Assessoria Técnica em Psicologia. Tem como missão assessorar na criação e implantação de soluções para a maximização e desenvolvimento de competências comportamentais e empresariais. É Psicóloga e Coach, trabalha com desenvolvimento pessoal, psicoterapia cognitivo comportamental, coaching profissional e blogueira do blogcarreira e marcialopes.psc.br

Comentar

Márcia Lopes

Márcia Lopes

Diretora da Viverh Assessoria Técnica em Psicologia. Tem como missão assessorar na criação e implantação de soluções para a maximização e desenvolvimento de competências comportamentais e empresariais. É Psicóloga e Coach, trabalha com desenvolvimento pessoal, psicoterapia cognitivo comportamental, coaching profissional e blogueira do blogcarreira e marcialopes.psc.br

Siga-nos nas redes sociais

Assine nossa newsletter!