Guru do Desempenho
pnl

3 técnicas de PNL aplicáveis no RH da sua empresa

A Programação Neurolinguística, ou simplesmente PNL, é uma das estratégias mais assertivas quando se trata da melhoria de comportamento — e, em consequência, de desempenho — em uma organização.

Isso se deve ao fato de as técnicas de PNL induzirem o alcance dos objetivos por meio de puro planejamento e atitude mental.

Se você ainda não entende muito bem esse funcionamento, fique tranquilo, pois nós preparamos esse conteúdo para você! Antes de mais nada, vamos entender do que se trata:

O que é PNL?

A PNL é uma mistura de técnicas das áreas de computação, neurologia e linguística que visa o aprimoramento e aperfeiçoamento das habilidades humanas visando potencializar os seus resultados.

De um modo mais usual, trata-se da exploração da forma como a compreensão e percepção humana assimilam as experiências com base na sua linguagem e gatilhos mentais.

É por meio disso que se mapeiam os processos estratégicos da mente humana em busca de uma mudança evolutiva em seus comportamentos para atingir objetivos específicos.

Dentro dessas mudanças, é possível destacar vários processos passíveis de serem melhorados, tais como:

  • Criatividade;
  • Relacionamentos interpessoais;
  • Liderança;
  • Comunicação;
  • Motivação;
  • Aprendizagem;
  • Vendas.

Qual sua influência na rotina de RH?

A PNL gera um exercício de empatia e de flexibilização dos pontos de vista mediante o questionamento da primeira percepção emitida. Por essa razão, pode influenciar qualquer processo dentro da rotina de RH​, tudo isso por meio da utilização das técnicas certas.

Quais são as técnicas?

Retomando, a PNL relaciona a influência que os pensamentos (neuro) sofrem pelas palavras (linguística), levando à ação (programação). Além disso, procura formas de aumentar a produtividade ​modificando as ações.

Nesse sentido, separamos algumas técnicas de PNL que podem ser aplicadas no RH da sua empresa:

Fogging

A primeira técnica é voltada para a resolução de conflitos e parte da ideia de “embaçar” uma situação para tirá-la do foco e procurar novas soluções.

Geralmente, são utilizadas frases como “Como posso melhorar a situação?” ou “O que posso mudar para resolver esse problema?”, na tentativa de trazer novas perspectivas sempre que uma situação de conflito e tensão de apresenta.

Essa técnica pode ser adotada tanto pelo RH, na tentativa de remediar ou até mesmo evitar que desentendimentos aconteçam, quanto pelos próprios funcionários que integram a equipe.

A ideia é retirar a ideia de acusação e questionar a real possibilidade de solucionar o problema.

Swish

Essa é uma técnica simples de reprogramação dos gatilhos mentais.

Ela consiste em associar uma imagem ou sensação boa a cada estímulo negativo que você recebe e, então, substituir o mal-estar por algo do seu agrado antes de ter uma sensação prejudicial.

Você pode utilizar um assobio, literal ou mental, para demarcar a transição da sensação desagradável para a boa.

Seus resultados servem para aumentar o bem-estar, evitar conflitos, manter a motivação do colaborador ou evitar a sobrecarga e o estresse, fazendo com que o ambiente de trabalho contribua para a qualidade de vida da equipe.

Essa é uma técnica que deve ser utilizada por cada membro da equipe, sempre que identificar a necessidade.

Rapport

A técnica deriva de um termo francês que expressa afinidade. Ela trata de um espelhamento comportamental, que pode variar da postura até o estado interior de uma pessoa.

Se assemelha a uma imitação, mas muito mais sutil e empática, que visa a demonstração de reconhecimento e concordância com o outro.

É uma técnica que pode ser usada pelo RH, com a intenção de buscar a aproximação e compreensão sobre as equipes.

Além disso, pode ser repassada a supervisores setoriais e estendida para qualquer funcionário, já que se trata de um exercício de empatia. Isso irá contribuir para melhorar o ambiente corporativo de forma significativa.

Com o uso dessas técnicas de PNL a longo prazo, é possível auxiliar o aperfeiçoamento das relações interpessoais, aproximando os colaboradores e melhorando a gestão de RH na empresa.

Quer ficar por dentro de outros conteúdos relevantes e aprender muito mais? Assine a nossa newsletter e receba nossas novidades diretamente no seu e-mail!

Felipe Batalha

Felipe Batalha

Pai do Martin, engenheiro e empreendedor. Descobriu que a gestão de pessoas pode ser a principal competência para crescimento de um profissional. Sempre em busca de novas experiências em viagens e na culinária.

Comentar

Felipe Batalha

Felipe Batalha

Pai do Martin, engenheiro e empreendedor. Descobriu que a gestão de pessoas pode ser a principal competência para crescimento de um profissional. Sempre em busca de novas experiências em viagens e na culinária.

Siga-nos nas redes sociais

Assine nossa newsletter!